Por que eu fotografo?

Por que eu fotografo?
Ação e reflexão nas ruas de Brasília

Aconteceu, no dia 3 de maio, no Parque da Cidade: o Foto-Grama.

A proposta dessa intervenção urbana foi levar ao público uma série de fotografias sobre os mais diversos temas. Cada uma é acompanhada por um pequeno texto onde o autor responde a uma pergunta-chave: Por que eu fotografo?

Esta foi a segunda que este projeto foi mostrado. A primeira intervenção chamada Foto-Grama foi realizada em agosto de 2008 no gramado da Torre de TV, das nove da manhã às seis da tarde de um domingo. Reuniu 44 faixas com imagens e frases dos 38 participantes, numa ação de democratização do acesso à cultura e à fotografia autoral.

O movimento Por que eu fotografo? nasceu da inquietude de alguns brasilienses interessados em discutir a fotografia enquanto linguagem, expressão artística, documento e fenômeno cultural.

Em 2008, o movimento organizou-se em torno de dois eixos: ação e reflexão, com duas exposições em galerias, uma intervenção urbana e dois debates sobre o tema-título.

Em 2009, o movimento Por que eu fotografo? cresceu e se tornou a Associação de Fotógrafos de Brasília – AFOTO. Fundada em 28 de março, a AFOTO tem como objetivo unir fotógrafos de várias linhas, entre profissionais e amadores, para somar forças na realização de eventos artísticos e também debater questões como direitos autorais e regulamentação da profissão.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: