Leilão de obras de arte

Júlio Jatobá – China

Leilão beneficente apresenta obras de artistas nacionais e internacionais para o projeto Por amor à arte, Por amor à vida, em prol da erradicação da violência de gênero e da AIDS nas mulheres.
                
Reunir obras de pintores, fotógrafos, gravuristas e escultores, do mundo todo, para leiloar e ajudar entidades de combate à Aids e violência contra a mulher é a missão da venezuelana Gabriela Rosso em Brasília. No Dia Internacional da Luta Contra a Violência de Gênero, 25 de novembro, ela inaugura a exposição das obras na galeria do fotógrafo Kazuo Okubo.

O leilão será no dia 3 de dezembro, no Museu Nacional de Brasília. Na ocasião, serão leiloadas 133 obras, entre pinturas, gravuras, fotografias e esculturas de artistas brasileiros e da Venezuela, Colômbia, Equador, México, Peru e Hungria. Entre os nomes, estão: Athos Bulcão, Olivier Boels, Galeno, Darlan Rosa, Omar Franco, Romero Britto, Rubem Valentim, Glênio Lima, Siron Franco, Pavel Eguez, Walter Tomassi, Muu Blanco, Kazuo Okubo, João Paulo Barbosa, Glênio Bianchetti, Leda Watson, Jesus Uchoa, Sclair, Huet Azevedo, Irany Vidigal, , Eugenio Opitz, Juliana Zelner, Patrick Grossner, Isabela Lyrio, Arthur Monteiro, Letícia Verdi, Julio Jotabá, Wando Figueredo, Lourenco de Bem, Helio Rocha, Pompeia Cascão, Tarcisio Viriato, Guilhermo Cardenas, Milan Nast, Victor Hugo Morales, Bisser Nai e Claudia Gamma.
 
Gabriela Rosso é psicóloga e foi diretora de uma ONG de combate à Aids, em Caracas, Venezuela. Por lá, organizou vários leilões para arrecadar verbas e tocar os projetos sociais.  “O leilão é uma ótima oportunidade para adquirir obras de arte a preços inferiores aos de mercado e para dar à arte uma missão a mais: a missão de ajudar os que mais precisam”, afirma a diretora do projeto Por Amor à Arte, Por Amor à Vida.
 
QUANDO 
Coquetel de abertura: quarta-feira, 25 de novembro – Dia Internacional da Luta Contra a Violência de Gênero – às 19 horas. 

ONDE 
A Casa da Luz Vermelha – Galeria Fotográfica, na ASBAC, Setor de Clubes Sul, próximo ao Pier 21.
Visitação: de 26 a 29/11 – quinta (26) e sexta (27), das 10h às 20h, sábado (28) e domingo (29), das 12h às 16h.
 
LEILÃO 
Quinta-feira, 3 de dezembro, às 19h30.
Local: Museu Nacional, Esplanada dos Ministérios.

Patrick Grosner – Marrocos

6 Respostas to “Leilão de obras de arte”

  1. María Puy Says:

    Adorei as duas fotos. Se todas as obras tem a mesma qualidade, parabéns!

  2. Parabéns! adorei as fotos. Faz me sentir falta do meu pais por causa das suas fotos. Senti saudades mesmo!
    Muito interessante suas fotos! Desejo muito sucesso para você.
    Será que você não dá aula de fotografia alem de chinês, português. hehe

  3. Angela Pontes Says:

    Muito lindas as fotos.
    Muito linda também a iniciativa.
    Angela

  4. […] 25/11/2009 por exclusaosocial2009 Convido voces a visitarem a galeria onde estao as obras que serao vendidas em um leilao beneficente em prol da erradicação da violência de gênero e da AIDS nas mulheres.  Júlio Jatobá, professor de Mandarim da Escola de Lìnguas da UnB, está participando com 2 fotos, mas alem das fotos participam artistas com esculturas e pinturas. A causa do evento e muito nobre, vale a pena prestigiar e conhecer o projeto. O link com os dados,o endereco e o convite estao logo abaixo. Leiam e ajudem a divulgar. Quanto mais gente unida melhor. https://afotobrasilia.wordpress.com/2009/11/23/leilao-de-obras-de-arte/ […]

  5. exclusaosocial2009 Says:

    Oi,

    Adorei as fotos, estão realmente lindas, principalmente a primeira (puxa saco. hehehhe)

    Divulguei no meu blog ok

    bju
    Stphaníe Cerqueira

  6. Se eu tivesse que dar título a foto inicial, do Júlio Jatobá, com certeza teria uma tarefa inglória. A foto não pode ficar amarrada a uma visão, posto que é multifacetada, prisma de olhar sensível, revelando a pintura, a realidade lúdica que permeia todos os instantes eternizados por um clique, como que por pinceis hábeis. A foto é obra de artista, parabéns. É lindo ver as luzes da imaginação fluir e dar forma à China romântica que habita o inconsciente coletivo. A ver pela foto inicial tenho certeza que o evento promete ser a concentração da sensibilidade artistica em prol de uma causa nobre.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: